CANTOTO DO BLOG

CONTATO DO BLOG: oseias.ac@hotmail.com
orl.ac@hotmail.com

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Presidiário mata colega e queima corpo em fornalha de Cerâmica


Mais um crime bárbaro foi registrado na madrugada desta quarta-feira (02) em Rio Branco, quando o presidiário em liberdade condicional Erivan de Souza Rodrigues 27 anos, “o Cascão” matou a golpes de tijolada o amigo Anderson Assis da Silva 24 anos, em seguida colocou o corpo dentro de uma Fornalha e ateou fogo.

De acordo com informações da Polícia o crime supostamente pode ter ocorrido na noite de terça-feira (01) pois Anderson e Erivan teriam passado o dia consumindo bebida alcoólica e drogas.

Na madrugada já sob o efeito de drogas os dois estariam dentro de uma casa abandonada próxima da Cerâmica 3S, localizada no bairro Alto Alegre quando começaram uma discussão foi quando Erivan de posse de um tijolo teria aplicado vários golpes na cabeça de Anderson que morreu no local.

Na tentativa de esconder o corpo “Cascão” teria arrastado o corpo do amigo por cerca de 100 metros até a Cerâmica e o jogou dentro da fornalha e cobriu com pedaços de paus em seguida ateou fogo e enquanto esperava o corpo queimar teria adormecido sob o efeito do entorpecente.

Por volta das 4h da madrugada um empregado da Ceramica chegou ao local de trabalho e estranhou o fato de um homem dormir próxima a fornalha em chamas, já que nos últimos dias devido o feriado de final de ano a fornalha não estaria funcionando.

Ao se aproximar para descobrir quem era o desconhecido e o acorda-lo foi surpreendido ao ver que dentro da fornalha um corpo humano ardia em chamas.

Desesperado o empregado saiu do local sem ser avistado por “Cascão” e acionou a Polícia Militar.
Quando a guarnição chegou ao local encontrou o suspeito ainda dormindo. Erivan de Souza acordou e tentou fugir, mas já estava detido pelos militares.

Conduzido a Delegacia de Flagrante – DEFLA da 5ª Regional o acusado confessou o crime, mas alegou não se lembrar de detalhes de como teria arrastado o corpo até a fornalha e nem o que teria motivado a ira para cometer tamanha atrocidade.

Erivan já cumpriu pena por roubo (assalto) e tem passagens pelas delegacias da cidade por crimes de furto, posse de drogas e armas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário