CANTOTO DO BLOG

CONTATO DO BLOG: oseias.ac@hotmail.com
orl.ac@hotmail.com

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

Operação ‘Black Friday’ apreende R$ 506 mil em mercadorias no Aeroporto de Rio Branco


Quem achou que ia ter lucro certo com produtos contrabandeados dos EUA se deu mal neste último Natal. Atenta às promoções de até 90% que as grandes lojas norte-americanas (as mega stores) dão na época de fim de ano, a Receita Federal brasileira deflagrou, entre os dias 19 de novembro até 12 de dezembro, a Operação ‘Black Friday’ (alusão ao dia de mega descontos de lojas) nos principais aeroportos da Região Norte que recebem voos ou escalas de voos do exterior. 

No Acre, mais precisamente no Aeroporto Internacional de Rio Branco (‘Plácido de Castro’), a empreitada da Receita conseguiu apreender, nos seus 24 dias de vigência, em torno de R$ 506 mil em mercadorias clandestinas. Além da apreensão de mercadorias sem origem justificada, também foram aplicadas multas e taxas de impostos, decorrentes de omissão de declaração ou prestação de informações inexatas sobre um produto ao Fisco nacional.

No restante da região, a Receita apreendeu mais de R$ 1,74 milhão entre mercadorias ilícitas contrabandeadas (ou seja, sem declaração de impostos comerciais para a exportação). Além dos R$ 506 mil apreendidos no Acre, a Operação Black Friday apreendeu R$ 90 mil em mercadorias e R$ 800 mil de impostos de multas no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes de Manaus/AM; mais R$ 300 mil no aeroporto do Belém/PA e R$ 50 no aeroporto de Porto Velho/RO. 

Os principais produtos apreendidos pela Receita na região foram: os tablets, os smartphones e outros celulares, relógios de marca, óculos, tênis, bolsas, roupas e cosméticos variados. Agora, de acordo com a Receita Federal, todas estas mercadorias ilícitas devem ser leiloadas, doadas para instituições de caridade, incorporadas ou até destruídas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário